A importância da avaliação no processo de ensino e aprendizagem: Um debate provocativo no campo da educação / The importance of evaluation in the teaching and learning process: A provocative debate in the field of education

Authors

  • Denise da Costa Dias Scheffer
  • Dieison Prestes da Silveira
  • Etyane Goulart Soares
  • Geovane Barbosa da Silva
  • Adriele Prestes da Silveira
  • Thalia Nunes Ferreira Feistler
  • Raphael Gomes dos Santos
  • Ananda Rodrigues dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv6n8-233

Keywords:

Educação, Ensino e aprendizagem, Avaliação.

Abstract

No campo da educação, sabe-se que a avaliação faz parte da atividade escolar do docente e precisa ser vista como um componente importante para o processo formativo do aluno, possibilitando uma reflexão constante das habilidades e dificuldades, bem como do papel do docente para as transformações na sociedade. Diante da necessidade de um debate epistêmico acerca da importância da avaliação para a formação crítica, reflexiva e emancipatória dos sujeitos, o presente artigo tem o objetivo de discutir a avaliação dentro do contexto escolar, devendo ser um processo contínuo e necessário para a formação dos sujeitos, permitindo o direcionamento dos conhecimentos para as vivências sociais. Salienta-se que a metodologia adotada para este estudo consiste em uma abordagem do tipo qualitativa, com uso de uma pesquisa essencialmente bibliográfica. Em se tratando de avaliação, pode-se dizer que é um procedimento contínuo e que se forma por meio da disposição da coleta de informações que tragam benefícios para os alunos, visto que cada discente apresenta suas especificidades e cabe ao professor exercer o processo de ação e reflexão da sua ação pedagógica. Avaliar não é apenas atribuir números a cada aluno, mas também refletir acerca do processo de ensino e aprendizagem e das condições estabelecidas a cada discente.

References

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra,1996.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 17ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisas. São Paulo: Atlas, 2011.

HOFFMANN, J. Avaliar para promover: as setas do caminho. Porto Alegre: Mediação, 2008.

LUCKESI, C. C. Verificação ou avaliação: o que pratica a escola? Série Ideias n. 8. São Paulo: FDE, 1998.

MINAYO, M. C. de S. (Org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 32 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2012.

SANTOS, B. de S. A gramática do tempo: para uma nova cultura política. 3ª ed. São Paulo: Cortez, 2010.

SCHÖN, D. Educando o profissional reflexivo: um novo design para o ensino e a aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 2000.

SILVEIRA, D. P.; GOLLE, D. P. Confeccionando o seu relatório de estágio para cursos de licenciaturas: um enfoque nas Ciências Biológicas. Curitiba: Appris, 2019.

SILVEIRA, D. P.; GOLLE, D. P. O estágio no ensino superior como prática sociocultural para a construção de saberes significativos na contemporaneidade. Revista missioneira. v. 21, n. 2, p. 67-75, 2019.

SOBRINHO, J. D. Políticas de avaliação, reforma do estado e da educação superior. In: ZAINKO, Maria Amélia; GISI, Maria Lourdes (orgs.). Políticas e gestão da educação superior. Florianópolis: Insular, 2003.

TEIXEIRA, A. Educação no Brasil. Rio de Janeiro: UFRJ, 1999.

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. 6. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

Published

2020-08-14

How to Cite

Scheffer, D. da C. D., Silveira, D. P. da, Soares, E. G., Silva, G. B. da, Silveira, A. P. da, Feistler, T. N. F., Santos, R. G. dos, & Santos, A. R. dos. (2020). A importância da avaliação no processo de ensino e aprendizagem: Um debate provocativo no campo da educação / The importance of evaluation in the teaching and learning process: A provocative debate in the field of education. Brazilian Journal of Development, 6(8), 57441–57449. https://doi.org/10.34117/bjdv6n8-233

Issue

Section

Original Papers