Caminhos indiretos na aprendizagem de um jovem Autista sob olhar da perspectiva Histórico-Cultural / Indirect paths in a young Autistic learning under the perspective of the Historical-Cultural

Authors

  • Iára Belink Hell
  • Karina Carvalho Mancini

DOI:

https://doi.org/10.34117/bjdv6n8-034

Keywords:

Biologia Celular, Transtorno do Espectro Autista, Recursos didáticos.

Abstract

A presente pesquisa teve por objetivo discutir as contribuições da Perspectiva Histórico-Cultural de Lev S. Vygotsky para a compreensão do movimento de construção de caminhos alternativos na prática pedagógica, a fim de favorecer a aprendizagem de Pedro, um jovem de 18 anos que apresenta Transtorno do Espectro Autista (TEA). A metodologia adotada para coleta de dados é um estudo de caso, realizado no espaço regular de ensino (acompanhamento das aulas e entrevistas) e no ambiente familiar (entrevistas), com o intuito de compreender de que forma aconteceu e acontece o processo de desenvolvimento e de escolarização de Pedro. Buscando favorecer a compreensão do jovem sobre o conteúdo de Biologia Celular, foram desenvolvidos caminhos indiretos de aprendizagem com base em suas especificidades, utilizando recursos tecnológicos (computador e celular), modelos didáticos e desenhos, enfatizando a importância do educador buscar esses caminhos alternativos quando se esgotam os caminhos diretos. A afetividade bem como a inclusão escolar e social também serão pontuadas durante o desenvolvimento da pesquisa, ressaltando a importância de proporcioná-la no ambiente educacional.

References

AMERICAN PSYCHIATRY ASSOCIATION (APA). Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais-DSM-V. Porto Alegre: Artmed, 2014.

BRASIL. lei nº 12.764, de 27 de dezembro de 2012. Brasília, Câmara dos deputados 2012. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12764.htm> Acesso em: 15/ abr.

HELL, I. B.; MANCINI, K.C. Ensino de Biologia Celular por modelos tridimensionais: possibilidades de inclusão. In: Práticas inclusivas no Ensino de Ciências e Biologia. (Org) Andressa A. de Oliveira. São Paulo: Pimenta Cultural, p.100, 2020.

LEITE, S. A. da S. Afetividade nas práticas pedagógicas. Temas em Psicologia, Campinas, SP. Vol. 20, no 2, 355 – 368 DOI: 10.9788/TP2012.2-06, 2012. Disponível em: <http://pepsic.bvsalud.org/pdf/tp/v20n2/v20n2a06.pdf> Acesso em: 02/ abr.

MARTINS, A. N.; CRUZ, J. R. DA; LAURINO, D. P. SILVEIRA, D. DA S. O ensino da matemática para alunos inclusos: possibilidades e desafios no trabalho docente. Brazilian Journal of Development., Curitiba, v.6, n.7, p.47971-47981. 2020. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/13383/11239. Acesso em: 02/ abr.

OLIVEIRA, K. G; SERTIÉ, A. L. Transtornos do espectro autista: um guia atualizado para aconselhamento genético. Einstein (São Paulo), [s. l.], v. 15, n. 2, p. 233–238, 2017. DOI 10.1590/s1679-45082017rb4020. Disponível em: https://search.ebscohost.com/login.aspx?direct=true&db=edssci&AN=edssci.S1679.45082017000200233&lang=pt-br&site=eds-live. Acesso em: 29 jul. 2020.

PADILHA, P. R. Planejamento Dialógico: Como construir o projeto político pedagógico da escola. São Paulo: Ed. Cortez, 2001.

PINO, A. A criança, seu meio e a comunicação – perspectiva sócio-histórica do desenvolvimento. Revista da Associação Brasileira de Psicopedagogia, São Paulo, vol. 12, nº 26, pp. 09-15, 1993.

SANTOS, E. C. dos. Alunos com autismo no primeiro ano do ensino fundamental: Movimentos de construção de práticas pedagógicas. Campos dos Goytacazes, RJ: Brasil Multicultural, 2019.

VIGOTSKI, L. S. A defectologia e o estudo do desenvolvimento e da educação da criança anormal. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 37, n. 4, dez. 2011.

VIGOTSKII, L. S.; LURIA, A. R.; LEONTIEV, A. N.; Linguagem, desenvolvimento e aprendizagem. Tradução de: Maria da Pena Villalobos. - 11° edição - São Paulo: ícone, 2010.

VYGOTSKI, L. S. A formação social da mente. Livraria Martins Fontes - 4ª edição- São Paulo: Ltda. 1991.

Published

2020-08-06

How to Cite

Hell, I. B., & Mancini, K. C. (2020). Caminhos indiretos na aprendizagem de um jovem Autista sob olhar da perspectiva Histórico-Cultural / Indirect paths in a young Autistic learning under the perspective of the Historical-Cultural. Brazilian Journal of Development, 6(8), 54651–54667. https://doi.org/10.34117/bjdv6n8-034

Issue

Section

Original Papers